quarta-feira, 24 de outubro de 2007

Love is in the air

Ontem conheci um príncipe encantado. Não meu, claro. De uma amiga que o descreveu assim e o levou a minha casa para avaliação. Passou o teste sim senhor. Mas para aqueles que já estão a ler isto e a pensar “ah e tal, devem conhecer-se há 1 semana”, não, não! Estão juntos há 6 meses e são daqueles casais irritantes, mesmo dor de cotovelo, com imensa cumplicidade e super felizes. E se agora estão a ouvir uma vozinha no vosso cérebro a dizer “ah e tal, dá-lhes mais 3 meses…”, não! Que aqueles parecem-me a excepção e eu fico feliz por eles. Agora perguntam vocês, “então e onde é que eles se conheceram?” Ah pois, é… No ginásio! É que isto só pode ser Deus a castigar-me por nunca ter feito exercício físico na vida. Já não chegam as ameaças de celulite?!

6 comentários:

Anónimo disse...

Há uns tempos atrás ouvia falar das “almas gémeas” e sorria ao pensar que não passava de uma parvoíce, uma forma romântica de alguém falar da sua relação amorosa, da sua “cara metade”. Mas o destino de vez em quando prega-nos algumas partidas e faz-nos mudar a linha de raciocínio num abrir e fechar de olhos. Hoje sei o que é uma “alma gémea”. É olhar para uma pessoa e dizer para nós mesmos que pertencemos a ela não de hoje, mas de e para sempre; é dispensar qualquer tipo de palavra e falar tão somente com um olhar; é sofrer com a distância e ansiar por estar sempre perto; é amar sem limites e fazer constantes projectos a dois. Para quem não acredita, como eu não acreditava, tente pelo menos não colocar esse estado pleno em causa. É que do nada, poderá ser apanhado desprevenido, como eu fui! Os príncipes encantados existem sim. Mas não no sentido lato de perfeição. Existem para nos fazerem sentir vivas e para nos fazer sonhar de uma forma bem real. Como eu faço diariamente!

Belota disse...

Ai sua anónima que eu sei tão bem quem és!!! Lol Estou muito contente por ti, muito mesmo, vê lá é se o teu prícipe encantado conhece outros, mas sem cavalos brancos e lamechices dessas que eu cá não gosto dessas coisas ;) És uma sortuda! Mas também mereces!

O Príncipe disse...

Saudações Reais...
Eu sou o tal príncipe... olho azul, alto , loiro, como alguem conhecido designada de um verdadeiro príncipe Dinamarquês (Cáco Antibes, da Série televisiva brasileira "Sai de baixo"). Para além de ter a certeza que ao lado deste "príncipe" está uma verdadeira princesa com ascenção a Rainha, em tudo. Como ser humano, mulher, companheira, amiga, namorada. Eu só tento e quero estar a altura, das necessidade da minha príncesa. Sei que a felicidade que vivemos, será para durar, tal como os momentos de alegria e cumplicidade que nos uniu. Espero honrar tambem o previlégio de partilhar a famila real da minha príncesa, tal como os excelentes e mericidos e verdadeiro AMIGOS, tal como tu Blota. Que está sempre presente nas nossas conversa (de príncipes... Tudo pode ter um preço mas amizades assim não têm preço e deviam estar como património mundial dos sentimentos, Protegido ao máximo para pessoas como todos nós conhece-mos as mutilem, internamente e silênciosamente. Blota estás ofialmente convidada a entrar quando quiseres pelas portas do nosso castelo. Castelo esse que é restrito a alguns familiares e muitos poucos amigos, só mesmo os de maiuscúlas...

...saudadções reais!!!!

Belota disse...

Caraças pah! Não vejo outra hipótese senão descer do pedestal e voltar a desejar muitas felicidades a estes dois. É que senão o blog transforma-se numa lamechice de gente feliz e eu não posso permitir que isso aconteça! São os dois uns totós, é o que é. Mas são uns totós lindos, e fico muito contente pelo convite para visitar o castelo ;)

:D

merluka disse...

o amor acontece...

Shiine * disse...

Não me quero gabar (A sério que não) .. Mas eu e o meu namorado somos exactamente assim .. Já la vão 10 meses.!
E as minhas amigas todas me dizem o mesmo que estas a dizer, felizmente tenho muita sorte .. E espero que dureee.. dureee.. :)