sábado, 6 de março de 2010

Eternal sunshine of the spotless mind

E vocês? Se pudessem apagar alguém da vossa mente, fá-lo-iam?

44 comentários:

Agridoce disse...

Resposta impulsiva: sim.

Resposta politicamente correcta: não, porque tudo que vivi me fez crescer e aprender, yada yada yada.

Rice disse...

got my heart broken, mesmo assim não sei responder à pergunta. Mas é uma boa pergunta..

Sonhadora disse...

Sem dúvida que o faria... Sem hesitar... ***

Buttafly...fly...fly... disse...

Posso copiar o/a Agridoce?

;)

Lisboa disse...

Não, é mesmo o que vivi e sofri moldam o que sou agora, e como gosto de onde estou e para onde caminho não adiantava apagar nada.
Afinal ninguém disse que viver era fácil e se o fosse qual seria a piada disso?

B* disse...

Eu, apesar dos pesares, não apagava ninguém da minha mente. A vida é dura mas também é uma excelente professora.

;)

Bom fim-de-semana!

Ultima Thule disse...

Sim

diogo disse...

nem pensar. todas nos ensinaram algo

diogo disse...

se apagar algo que me fez mal, cometerei os mesmos erros

Abobrinha disse...

Neste momento a lista é muito grande. Amanhã, com outra disposição já sou capaz de dizer que não...

Zarosky disse...

Não apagava gente, mas apagava algumas memórias que se transformaram em assombrações.

Saskia disse...

Provavelmente, sim.

Euriço disse...

Faz parte de ser adulto, lidar com o passado. Vou apagar uma tatuagem. Vou ser mais feliz ao lado de outra pessoa. Muito mais feliz. Basta-me isso.

Tânia Silvestre disse...

Todas as pessoas com quem nos cruzamos na vida acrescentam-nos algo, seja bom ou mau. É um pouco como no final do filme «L'Auberge Espagnol», em que ele se dá conta que se tornou numa pessoa diferente devido a todas as que conheceu no seu ano de Erasmus...
Por muito que certas memórias possam ser dolorosas, não seria a pessoa que sou hoje se não tivesse conhecido as pessoas que conheci.

Rapunzel disse...

Sim, sem duvida!

Algures disse...

Aprendemos com todas as pessoas com as quais nos cruzamos ao longo da vida, para o bem e para o mal, no entanto há umas que podíamos "dispensar" pelo que nos magoam, quer pela nulidade que acrescentam à nossa vida...
O filme é muito bom!

OMOPrjct disse...

Não...

Bj
Vasco

Inês disse...

Sim!! Definitivamente sim.

Ok.. Aprende-mos sempre qualquer coisa.. mas sinceramente, há coisas que preferia ficar sem saber.

Inês disse...

Sim!! Definitivamente sim.

Ok.. Aprende-mos sempre qualquer coisa.. mas sinceramente, há coisas que preferia ficar sem saber.

Di disse...

Não, nunca. Odeio esquecer-me, odeio viver na ignorância. Prefiro saber tudo, mesmo que doa :)

***

Belota disse...

É verdade que as experiências nos fazem crescer e mudar. Mas será que às vezes crescemos e mudamos para algo que preferiamos não ser? Será que é mesmo assim tão simples quanto dizer que se aprende com tudo?

Lila* disse...

Sim, B**, era já a seguir!Riscar da vida!

Capitão Microondas disse...

Neste momento estou tentado, pela primeira vez na minha vida, a dizer que, infelizmente, sim.

Sabor Adocicado* disse...

Hmmm acho que não :D

Cookie disse...

Da mente só, não... da vida. Apesar que todas as experiências da nossa vida, boas ou más, nos permitem aprender alguma coisa...

Miguel Modesto disse...

talvez ajudasse em determinada altura… mas depois ainda voltava a cometer o mesmo erro… prefiro ir cometendo erros diferentes :)

Dream on girl disse...

Sim, sem hesitar...
Queria mesmo :(

Dream on girl disse...

Sim, sem hesitar...
Queria mesmo :(

B. disse...

Vi este filme à tantos anos, nem me lembrava do nome já...lembrava-me de que quem viu comigo detestou e disse que eu era louca de ter achado que fazia sentido, um filme que não tinha pés nem cabeça!

Porem, naquela altura eu não queria mais nada sem ser apagar aquela pessoa da minha vida, e dava tudo para isso acontecer! Hoje penso que se o pudesse ter feito me tinha arrependido, por mais que me tenha doido e que a pessoa me tenha magoado, tambem existiram coisas boas, coisas que aprendi que e pude usar dali para a frente...

Portanto não, não apagaria ninguem, todas as pessoas da minha vida (que me fizeram sofrer mais ou menos) contribuiram para me tornar a pessoa que sou hoje! E eu até gosto da pessoa que sou... =)

Obrigada por me relembrares o nome do filme, vou ver se o volto a ver!!

Izzie disse...

selinho no meu blog =)

Anónimo disse...

...eu apagava, e a vida poderia eventualmente ser um "eternal sunshine" :)

imaginem os traumas de infancia, aqueles que nos moldaram a personalidade, desaparecerem....era maravilhoso, o sofrimento torna a vida mais interessante? sim, tvz, mas preferia ter recordações de viagens pelo deserto do que maus professores e pessoas crueis ou simplesmente estupidas....eu apagava as todas!

doutorphil

Anónimo disse...

não...o tempo encarrega-se disso
susana

Anónimo disse...

não...o tempo encarrega-se disso
susana

roxy disse...

Sem dúvida, um dos meus filmes preferidos. Quando vi esse filme fez-me pensar bastante no assunto. Já tive bastante vontade de o fazer sim, afinal ninguém gosta de sofrer. Mas como muitos já disseram, somos o que somos hoje por aquilo que passámos ao longo da nossa vida, por isso provavelmente acabaria por chegar à conclusão que não seria uma solução.

Poetic GIRL disse...

Se fosse na altura em que a ferida ainda dói, dirte-ia que sim, mas quando a dor está mais amenizada acabamos por recordar com carinho... por isso acho que depois não faz muito sentido apagar. faz parte de nós,,, beijocas

Cat disse...

Miminho no meu Blogue :) beijinho

Cat disse...

Miminho no meu Blogue :) beijinho

paula. disse...

Há uns anos diria cheia de convicção que não, nunca... Hoje, ... sim, apagaria, certamente.
Não me mudou para rigorosamente nada melhor. E só à distância de tantos anos é que confirmei isso mesmo (já suspeitava). É que há pessoas que jamais poderiam ter feito o que quer que fosse de bom por nós, nem que fosse aprendermos com esse erro.
Mas nem isso :)
Sim, definitivamente.

Anónimo disse...

Não. Felizmente, a minha mente selecciona e apaga a informação que já não é desejada, nomeadamente pessoas que deixam de fazer parte da minha vida :D

Deia disse...

Uiiiiiiii
Queres uma lista?
bj

Pepino e Tomates disse...

Sim, sem hesitar.

Su disse...

Apagava o que sinto por ela! Mas é que era já! E sim apagava algumas pessoas.

Paloma disse...

SIMMM!

André disse...

Não! pelo mesmo motivo que ele no filme, mas também para não cometer o mesmo erro duas vezes.

Apagar alguém é talvez uma forma de covardia e a pior maneira de fugir de um problema(emocional).

Quando alguém nos desfaz(emocionalmente), magoa, nos revolta, atraiçoa é a melhor alavanca para pensarmos- não quero isto para mim, quero aquilo... seja o que for mas diferente.