sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

What a feeling (de raiva e decepção)

Uma pessoa vê o Flashdance com 5 anos e cresce a achar “quando eu for grande vou ser assim!” Pois. Não. Mas o pior é descobrir vinte e tal anos depois, que afinal aquilo não passa de uma aldrabice. E aí cai-nos tudo. Ah pois é. Duas décadas de pressão “ah e tal porque é que eu não sou como a miúda do Flashdance” e afinal nem ela é assim. A menina Jennifer Beals, que hoje em dia se porta muito bem como lésbica no L Word, não sabe fazer mais do que isso. A filmagem da dança final incluíu uma bailarina profissional que fazia de duplo, uma ginasta profissional para a parte do salto no ar, e um homem (!!!) para a parte de breakdancing. A parada para as mulheres de facto não é mesmo nada alta. Nem injusta. Ora se eu, for eu mais 3 pessoas a ajudarem-me a ser eu, também faço de certeza um grande brilharete. Digo eu. Mas também posso estar errada.

21 comentários:

Saltos Altos Vermelhos disse...

é a beleza de ser criança lol acreditasse em tudo LOL com magia!

Belota disse...

É mas depois uma pessoa cresce e está tudo estragado! lol

Belota disse...

Reparem no pormenor da dobragem deste video em italiano...

Saltos Altos Vermelhos disse...

hehehe se fosse em brasileiro então...parto-me a rir com as dobragens do canal MCM, filmes dobrados em brasileiro.
também tenho esse secador! é Uma maravilha sim! Mas ainda assim, estas "planchas" no meu cabelo têm um efeito mais imediato! :)

New Radical disse...

Flash Dance
Esse grande filme do imaginário dos jovens dos anos 80.

Kiss

Laredo disse...

...foi uma rica decepção, na altura em que descobri esta história...pensava eu que a gaja era mesmo o supra-sumo da coisa...
Não se pode ter ídolos, ou são martelados ou são gays!Pior mesmo, só sendo as duas coisas ao mesmo tempo.

Joana Alves disse...

Saber disso foi quase como saber que o Pai Natal não existe! Que desgosto!

Tb queria ser como a menina do Flashdance...

Francisco o Pensador disse...

Belota, certas coisas não foram feitas para ser reveladas e devem permanecer eternamente no segredo, caso contrário...quebra-se o mistério e perde-se toda a Magia...

:-)

(Ps: Ou por outras palavras, quem te manda ser cusca??)

:-)))))

Belota disse...

A culpa não é minha, uma pessoa anda descansadinha a passear na internet e depois as coisas vêm ter com ela!

Joana, como assim o Pai Natal não existe?! Vá lá, já chega de decepções por hoje...

Pipoca disse...

É mesmo uma decepção, mas agora, com esta idade já sabemos que não vamos ser...sei lá...a Lara Croft?
E depois, todas nós, podemos ser como ela. Por exemplo, um bom banho de photoshop e todas seríamos capa da GQ. Deixem de enganara as pessoas pá.... :)

Fada disse...

LOLOLOL

Ai ó meu Deus!!! Eu era um bocadito mais velha que tu quando vi este filme, mas também achei que a gaja era o máximo!

Ainda não a tinha reconhecido na Letra L, não mudou muito na verdade...tirando estar mais velha, que isso calha a todos! :p

Bem, realmente, olhando com atenção a cena do breakdance... Fica um pouco mais musculada...lololol

Ai, Belota, realmente!... Só tu é que poderias desencantar isto! lol

Obrigada, já me ri um bocado com isto!!!

Beijoquitas e não desanimes, na volta bastavam-te apenas 2 pessoas para fazer o brilharete: a dupla (3 é abuso, não!?!?) e o gajo dos efeitos especiais! :p

Carraça disse...

E prontos, acabou-se o meu sonho de menina!
;)

An!nHa$ disse...

Oh meu Deus... eu quando andava no 5º ano toquei esta musica na flauta!!!
quase que me lembro de todas as notas. Opah incrivel!

foi daqelas musicas que nunca se esquecem! =)

Amanda disse...

errada?!

nem pensar!!

entremares disse...

O importante ... está lá.
A mensagem.
Que é possível SER.

Faz-me lembrar algumas músicas que aprecio imenso... fantásticas no CD, fantásticas em estúdio... mas é melhor nem tentar ouvi-las ao vivo, em concerto... com metade dos musicos, metade dos sons, e desilusão a dobrar...

Não é verdade?

Belota disse...

É verdade. Mas continua a não ser justo. :)

Larose disse...

Cá por mim ela pode ser 3,4,5 .... quantas quiser ..... eu é que não ...já tenho peso quanto baste ... dispenso mais kg !!! LOL

@me@@@ disse...

de facto, que grande desilusão, mas esta música lembra-me momentos tão bons!!


:-)

Rita disse...

Ahahah, estava neste preciso momento a pensar nessa música quando vejo este post, que coincidência :D beijinho*

Violeta disse...

lolol! Ah pobres de nós! Que ingenuidade, senhores! É que vendo dp de chamares a atençao, na parte do 'breakdancing', é nitidamente um homem! Medo!

Sónia disse...

Qdo vi este filme em miúda acreditei que era verdade :(
Agora sim, com um olhar mais critico é fácil perceber que há um homem à mistura...
Santa ingeniuidade LoL

Mas também te digo, mesmo com 3 a ajudar-me não sei se conseguia fazer este brilharete :)

Com duplos ou não, este filme é simplesmente fantástico!