domingo, 20 de fevereiro de 2011

Nunca senti tanta vontade de bater em alguém só por essa pessoa ter razão

Ontem chego ao escritório à noite com um colega, depois de um dia inteiro de trabalho, e assim que abrimos a porta principal apercebemo-nos de que o alarme tinha ficado ligado e que ninguém nos tinha dito o código. Bastaram 10 segundos para começar um barulho de tal forma ensurdecedor que ainda agora acho que não estou a ouvir bem. Dois dias antes uma colega tinha dado um briefing sobre o que fazer caso o alarme disparasse e que códigos de segurança dar à central quando nos ligassem. Claro que eu disse que sim a tudo mas na realidade achei que na prática nunca iria precisar daquela informação. Sorte o meu colega ter prestado mais atenção do que eu e enquanto eu estava ao telefone com a senhora da central de alarmes, ele lá encontrou o código. Digo o código pelo telefone, na esperança de pôr um ponto final à chinfrineira e diz-me a senhora do outro lado "muito bem, então agora vá desligar o alarme". Ora se eu soubesse como o fazer já o teria feito, certo? Explico que só tenho o código de segurança para quando eles ligam mas que não faço ideia do código que desliga o alarme, e diz-me ela com um tom muito claro e chateado, "então se calhar não devia estar aí a essa hora, pois não?".
Hum... Eram onze e meia da noite de um Sábado e eu estava a trabalhar. NÃO, DE FACTO NÃO DEVIA ESTAR ALI ÀQUELA HORA. Obrigada pelo choque frontal com a realidade da minha vida.

9 comentários:

Wendy disse...

Há gente tão burrinha e sem noção...

Francisco o Pensador disse...

Wendy, antes de comentar...você deveria ter tido em consideração o titulo que a Belota atribuíu ao post.
Embora muito a contragosto, a Belota acabou por dar razão à menina da "central de alarmes", e quem tem razão...jamais pode ser tida como uma pessoa "Burrinha e sem noção".


Belota, coragem menina. Ninguém consegue alcançar o êxito sem antes passar por alguns sacrifícios.
És uma mulher batalhadora, orgulha-te disso. :)

Ma disse...

Acontece sempre a alguém...
A mim por exemplo, ia com uns 4 colegas uma delas é única que tem as chaves e os códigos dos alarmes mas coitada é muito desorientada mas por acaso atrás de nós veio o chefe, que bom ele ter ido lá fazer qualquer coisa, que não tem porque nem nos explicou, e ter dado uma ajuda!

Rita & os Tachos disse...

Bom ponto de vista! ;)

Fatyly disse...

E se não tivesses é porque não davas o teu melhor. Se fosse comigo mandava-a a um sítio que eu cá sei porque neste país é preso por ter cão e por não o ter, onde se dá mais valor quem não faz a ponta de um corno!!!!

Deixa p'ra lá e guarda o código e continua a proceder conforme a tua consciência e brio profissional!

Força!

Belota disse...

A minha consciência diz-me que eu não devo ir trabalhar aos Sábados à noite!! :D

Wendy, a burrinha devo ser mesmo eu, que não consigo perceber se esse comentário é sobre mim ou a senhora da central de alarmes. É que na verdade ambas tínhamos razão.

Wendy disse...

O comentário era para a senhora da central, claro, porque pelo que foi aqui contado não parece ter sido a pessoa mais simpática/educada/etc. do mundo. Talvez seja eu que sou demasiado intolerante a esses factos, mas não gostava que me tivessem dado essa resposta a mim.

memyselfandi disse...

Eu também trabalho muitas vezes ao sábado à noite e também acho que não devia. Realmente, agora que falas em "choque frontal com a realidade da minha vida"... =S

Mr. Pepper disse...

ahahah o post devia ter o titulo:

I hear dumb people. talking and whispering as regular people ;)