quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Ser jovem e independente neste país é uma alegria

A minha botija de gás está quase no fim. Quando terminar tomarei duches de água fria pois não tenho dinheiro para comprar uma botija nova. Vendo bem não tomarei duches, ponto final, porque também não tenho dinheiro para pagar a conta da água, cujo limite de pagamento já passou. Estranhamente, enquanto toda a gente está de férias, eu tenho cada vez mais e mais trabalho. E menos e menos dinheiro. Num tema semelhante, deixei um disco externo na faculdade para me passarem todo o material que tinha realizado durante a pós-graduação, e aquela gente perdeu o disco. Quando o encontraram, devolveram-mo apenas para descobrir que afinal tinham perdido também o material. Três mil euros de propinas, e de trabalhos realizados, nada.

Não fosse eu até ter sentido de humor e a coisa estava feia. Muito feia. Alguns edifícios estariam a arder. Com toda a certezinha. (ou talvez não, não sei se tenho dinheiro para comprar fósforos)

19 comentários:

Belota disse...

E o que ainda me custa mais, foi a senhora que estava a vender a Cais na rua e me disse claramente "pode não me comprar a revista, mas a verdade é que eu tenho fome e não tenho dinheiro para comer". E eu dei-lhe os 60 cêntimos que tinha na carteira. Porque não tenho mais. Nem para mim.

Capitão Microondas disse...

Acho que com tanta audiência e com uma conta paypal te podemos garantir uma bilha, agua e talvez mais qq coisa. Vamos a isso? Cantar ainda va que não alinhes mas não tomar banho duvido que recuses.

Fan Futurama disse...

Ter água é imprescindível. Mas no Verão não precisas de botija. LOL.

FORÇA!! O Natal está quase aí.

Ruben Alves disse...

@Capitão Microondas, ou podemos também implementar um sistema de Couch Blogging com a Belota.
@Belota: Passavas uma noite em casa de vários bloggers durante o mês de Agosto :P
Assim não precisavas de pagar bilhas de gás, comida, água, tv, internet :P

Hum, e essa?

Sobre o disco, será que foi mesmo tudo apagado do disco? Não haverá forma de recuperar dados?

Ruben Alves disse...

Os Adwords também resultam... Pelo menos farias uns 100/200€ por ano :P

Belota disse...

Olha! Isso era giro! Podia conhecer o país a tirar férias em vossas casas! LOL Quanto ao disco, o problema é que eles não sabem onde guardaram o material. Eles próprios perderam o material, logo não o podem passar para o meu disco!!! Aquilo é completamente surreal!

filipe disse...

Pois é, a vida anda dificil mas acho que podemos fazer uma vaquinha para ajudar

Capitão Microondas disse...

Ah granda Ruben, dessa nem eu me lembrei, sim senhor, tens olho para o empreendedorismo.

Rachel disse...

Não acredito muito na história de mterial perdido, a maior parte das vezes são roubados!! uns roubam os trabalhos dos outros e apresentam no fim do ano!! Acredita já vi muito disso....

Buttafly...fly...fly... disse...

Diz-me que estás a gozar, Belota... Ou isso ou uma certa ponta de cigarro que terá de cair, de forma certeira, numa certa zona de cortinados... Vou começar a fumar já hoje, munina, para ganhar destreza, oh se vou.

;) Bjinho de loooonge

Corvo disse...

Bem,com uma faculdade dessas diria que foste aluna do Iscal....

como alternativa aoBlog surfing, tambem podes ir para a praia na zona da linha, muitas teem chuveiros na via publica... Quase que parece que estas num festival de Verão... he he he

Fatyly disse...

Infelizmente é a realidade de muitos que "trabalham e trabalham" enquanto outros andam o ano inteiro de férias e mais grave ainda com subsidios e ...fico-me por aqui.

Quanto ao "disco" comigo as coisas não ficariam assim...e havias de ver como ele aparecia em três tempos!

Marlucinha disse...

E ainda se tivesses dinheiro pro gás, pra água e para os fósforos, ainda tinhas de arranjar alguém que te ajudasse a carregar a botija!Não é tarefa fácil....

hugo disse...

Enquanto isto, andam os sr. excelentíssimos presos do EP de Sintra a fazer greve de fome porque querem ter acesso à playstation 2.

b'lotinha, este mundo está perdido!

http://www.tvi24.iol.pt/sociedade/sintra-prisao-presos-greve-de-fome-protesto-tvi24/1182586-4071.html

Anónimo disse...

Ontem andei por Lisboa, por algumas Seguranças Sociais, em busca do racionamento de senhas. Hoje às 9h30 já tinham acabado. Sim, porque eu sou daquelas que "vive de subsídios"... porque das cada vez menos ofertas que aparecem, respondem-me a quê?... 0,5%? Provavelmente... Mas mesmo assim continua-se alegremente a atirar bitates para o ar sobre quem não tem alternativa do que recorrer ao subsídios. Acreditem que muitas vezes não é por vontade, meus caros.
Entretanto, durante os últimos dois anos decidi investir mais na formação e regressei cheia de me vontade de actualizar com o Tratado de Bolonha. Além das simpáticas propinas, exigem um "plano de prosseguimento de estudos" pela módica quantia de 153,00€, que corresponde a uma página com uma enormidade de cadeiras que me mandam repetir. Porquê, sob que argumentos? Ninguém sabe. Eles muito menos. Estamos em Agosto e está a rebentar o novo ano lectivo e nenhuma resposta me foi dada aos vários emails que enviei para toda a hierarquia do estabelecimento. Entretanto, na sequência de reclamações, o Ministério do Ensino Superior informa que os estabelecimentos "têm autonomia nos conteúdos programáticos". Tão pouco foram capazes de ler as comunicações e perceber que nem disso se trata porque para discutir fosse o que fosse, eu teria que ter alguns dados que aluno nenhum tem acesso.
Parabéns, cara Bolota, pelo sentido de humor que ainda consegues manter. Brevemente eu vou começar a frequentar umas aulinhas de kickboxing.

Pipoca dos Saltos Altos disse...

Deixo-te tomar banho lá em casa e ofereço-te uma caixa de fósforos para fazeres justiça caso as coisas não melhorem. É o que posso fazer por ti. Ah, um prato de sopa também se arranja. Beijos

Ultima Thule disse...

Conselho para toda gente que tem trabalhos importantes: além de fazer saves em duas pens diferentes, no disco rígido externo, no pc, no portátil, mandar para o dropbox do itouch, imprimir teses ou artigos de vez em quando.... mandar um mail para si próprio com TUDO relacionado com o trabalho regularmente!!!! Não custa nada e fica tudo em cloud sourcing, de borla.

Quem avisa amigo é.
Eu sei o que é perder isso tipo de coisas, custa imenso... o melhor é atravessar a fase de negação rápido e aceitar outras soluções.

Esquece a botija, no verão ninguém precisa de botija.

Anónimo disse...

tb nao entendo como é que a luta pela igualdade pode ser exagerada e o feminismo exacerbado. Acho que ambos ainda fazem todo o sentido nos dias que correm.

Marta

Mr. Pepper disse...

se já se acabou a tua água e o gás avisa ;)

ps: eu arranjo-te um lança chamas que assim faz mais efeito e não corres o risco de queimar os dedos quando os malditos fósforos ardem sem atear o que queremos