domingo, 18 de julho de 2010

Conversa com o pai #3425: o casamento

Pai: O casamento devia ser limitado a 3 ou 4 anos. Ao fim desse tempo acabava.
Eu: Oh pai, que disparate, isso é mesmo conversa de quem já se divorciou duas vezes...
Pai: A sério, 3 ou 4 anos e estava feito. Era tudo muito bonito e depois ia cada um para seu lado, as pessoas não se prendiam, não havia tanta confusão.
Eu: Então mas para isso tem-se uma relação normal e logo se vê, não é preciso casar, é só deixar andar.
Pai: Não. Eu acho que isto devia ser uma coisa oficial.
Eu: E se depois quiséssemos ficar mais tempo com a mesma pessoa?
Pai: Pagava-se uma multa. Então a lei é para cumprir!

18 comentários:

Fada disse...

O teu pai é legislador?...
Ou ganha comissão em multas?? :p

Não deixa de ser interessante a teoria. Casamento com divórcio marcado... lol

E quem se divorciasse mais cedo, também pagava multa?
(Estava lixada, eu...)

:)

Beijitos

??? disse...

LOL!!

Muito bom ;)

almighty yellowphant disse...

haha adoro o teu pai!

Ultima Thule disse...

LOL

A lógica do teu pai é brutal.

Pensando bem...se os casais tivessem que pagar uma multa depois dos quatro anos até que era um grande teste à relação.

Rute disse...

Olha, não é mal pensado não senhor!!!

O teu pai é mas é um visionário!

Em vez da multa dava para se divorciar e casar por mais 4 anos? (se calhar comprensava pagar a multa!!)

Fan Futurama disse...

Concordo com a Thule. Mas o que era mesmo preciso era uma lei que obrigasse as pessoas a actualizar os seus blogs. E não estou a falar só do Guia. Então e o Pai e a Belota? ONDE ESTÁ O NOSSO ENTRETENIMENTO, POR AMOR DA SANTA?!

Cate disse...

AHAHAHAH! Muito bom!

Turtle disse...

E não se podia renovar o casamento? Assim um prolongamento, como se faz com os créditos? LOL só o teu pai

Bruno disse...

Que teoria mais cómica!!!
O teu pai realmente é um expectáculo

[Que]Nina disse...

essas ideias sao originais, curti
preferia terminar dentro do prazo do q ter d pagar a multa XD

(na brinca)
(solteira, e nao, nao pretendo datas limite)

Fatyly disse...

Simplesmente genial e se Sócrates ou Teixeira dos Santos lê esta teoria do teu pai, olha láaaaaaa os milhões que iriam buscar.

su disse...

Já estou a ver a nova medida do Simplex Tuga: Casamento por tempo determinado... ou Casamento de duração limitada!!!

Capitão Microondas disse...

há uma variante na "lei" do teu pai que seria surpreendente: prazo não com divórcio marcado mas com a obrigatoriedade de reafirmar o contrato com justificação por escrito assinada por ambos. Ia ser bonito. Hoje em dia há algo semelhante, embora menos oficial: sempre que há problema há uma saída para esquecer - tem-se um filho.

Lakshmi disse...

Apoiado!!!
Acho que me vou propor a casamento com o teu pai!

kataryna disse...

LOL
O teu pai é de facto fantastico mas o meu tb n fica mt longe!
Ele está a acabar o 12º nas novas oportunidades e vi-o a escrever muito com o manual ao lado.

Eu "Isso é pa entregares à professora?"

Ele "nao pah!!sao cabulas!! " xD

Patricia disse...

sem comentários... lol

Rei Tomate disse...

O Rei Tomate leu o post, o Rei Tomate gosta do post. O Rei Tomate entendeu a ideia, o Rei Tomate não gosta da ideia. É que se o Rei Tomate fosse aplicar isso no reino dele, não havia dinheiro que chegasse!

Maria disse...

Concordo com o seu pai!!!
:)
Beijocas...